Quinta-feira, 17 de Novembro de 2011
A Amizade

 

14 | 11 | 2011 
 

Há muito tempo que vimos adulterando o significado da palavra Amizade. Hoje conundimo-la com as pessoas que conhecemos, e nada mais.
Contudo, a Amizade é um sentimento tão forte e poderoso como o Amor.

Um amigo é alguém que nos conhece e aceita como somos na realidade, com todos os nossos defeitos. Alguém que está à distancia de um telefonema, a qualquer hora, a qualquer momento. Alguém que nos diz a verdade, que nos abana e ao mesmo tempo está sempre disponível para nos aconchegar. A Amizade não conhece inveja, mesquinhez. Não guarda rancor nem segredos.
Por isso mesmo, a Amizade é um bem maior do que o Amor. Não existe contabilidade na Amizade, eu dei e tu não, nada disso.

Nestes momentos tão difíceis que estamos a passar, e perante um futuro próximo que não augura boas noticias, talvez nunca tenha sido tão necessário, tão importante ter um Amigo.
Porque mesmo quando fingimos que não sabemos, a verdade é que cada um de nós sabe exactamente quem é essa, ou com sorte, essas pessoas com quem podemos contar até ao fim da nossa vida.

Também todos temos a nossa parte de desilusões. De certezas que possuíamos sobre o outro e de repente nos deparamos com a morte daquilo que era uma Amizade.
E se o tempo tudo cura, não conheço cura ou remédio para esta dor.
Contudo, quem no final deste penoso caminho que estamos a percorrer, onde a crise financeira se mistura com a ausência de valores e de sonhos, quem no final estiver ao nosso lado saberá honrar a palavra Amizade. Que sejamos nós capazes de fazer o mesmo.

 

in Destak

14 | 11 | 2011 


publicado por Luísa Castel-Branco às 10:27
link do post | comentar

Segunda-feira, 14 de Novembro de 2011
Em Nome do Filho

Peço desculpas pela ousadia de publicar estes comentários sobre o meu novo romance. Mas quem lê os restantes comentários que vou colocando nesta página, com um atraso vergonhoso, reconheço, sabe quantas palavras de apreço e carinho tenho recebido de leitoras e leitores dos meus livros.

Mas este romance que saiu agora é como um filho que ainda não aprendeu a gatinhar. É assim que eu me sinto e por isso mesmo recebi com tanto prazer e um arrepio na espinha os posts que publico.

Um grande, grande muito obrigada.

Do fundo do coração porque agora "Em nome do Filho" já não me pertence. Anda por ai nas mãos dos leitores, ou posado numa mesa de cabeceira ou simplesmente em exposição numa qualquer livraria.

Cada livro que escrevemos é como darmos uma parte de nós. Que depois, tal como os filhos, voa livre e  se tivermos sorte e engenho ira tocar a vida de muitas pessoas.

Um abraço,

Luísa



publicado por Luísa Castel-Branco às 14:47
link do post | comentar | ver comentários (1)

...
 
Magda Magalhães disse sobre Em Nome do Filho na Quinta-feira, 27 de Outubro de 2011 às 15:37:

     
Comecei a ler este fantástico livro no sábado à tarde... fiz o jantar e continuei a lê-lo... domingo à tarde... estáva devorado :-)


publicado por Luísa Castel-Branco às 14:45
link do post | comentar

...
Os meus pensamentos... disse sobre Em Nome do Filho na Segunda-feira, 31 de Outubro de 2011 às 07:42:

 

     
Já li "Em nome do filho", mais uma vez devorei um livro seu, este com especial sabor, pois revejo-me em cada palavra da primeira parte do seu livro, sou a mais nova de 5 irmãos, família muito unida na alegria e na tristeza, onde reina a entreajuda, em cada paragrafo sentia-me com mais vontade para devorar este livro, chorei, ri de alegria, enfim, vivi cada momento. Um bem haja à Luísa pela sua escrita, pelo amor que transmite em cada romance, só alguém com um grande coração cheio de amor e alegria pela vida é que consegue passar para a escrita esses mesmos sentimentos. Obrigada.
Já espero ansiosamente pelo próximo.
Beijo
Sandra Mel


publicado por Luísa Castel-Branco às 14:43
link do post | comentar

.links
.pesquisar neste blog
 
.mais sobre mim
.tags

. todas as tags

.arquivos

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO
.subscrever feeds