Sexta-feira, 4 de Julho de 2008
Não desista de si!
Desconhecido disse sobre Momentos na Quinta-feira, 3 de Julho de 2008 às 23:04:

 

     

 

Cara Luísa, essa é a história da minha vida! Hoje, passados quase 25 anos de angústia e de alguns bons momentos, tento fugir, libertar-me, em vão.
Não percebo, ou não quero, o que me prende a uma relação que faz de mim prisioneira e pouco me dá em troca. As desculpas são as esfarrapadas, as que fingimos aceitar e que cada vez mais comprometem a nossa dignidade. Sei que ele me trai, ou traiu, tanto faz... Hoje precisava, desesperadamente, salvar-me, salvaguardar o que resta da minha auto-estima. Não tenho estabilidade financeira ou ajuda para isso, precisava de um emprego que me libertasse desta relação que, lentamente, me corrói a alma. Nada feito, continuo sentada no sofá à espera, para ouvir as mesmas e gastas explicações.
Obrigada pelo desabafo anónimo!

 

Minha Cara,

Todas as palavras que eu possa dizer soam a falso, soam a pouco.

Não tendo liberdade económica uma mulher, muito mais do que um homem, não tem liberdade, não é dona da sua vida.

Mas...com toda a informação que me falta, com o perigo de estar a falar do que não sei de facto, há algo que lhe posso dizer.

A liberdade dentro de nós, o cortar as amarras e acreditar que merecemos respeito, o aceitar o medo do desconhecido como natural, mas também como uma oportunidade para avançar, não depende de mais ninguém a não ser de nós.

E se nos podem roubar tudo o resto, se nos podem tirar tudo isso, essa força que pode crescer devagarinho até ganhar asas, ninguém nos pode tirar.

Não desista de si  mesmo e não desista da vida.

É curto o tempo que aqui passamos, pouco para apreciar o que de bom existe e a pena que sentimos de nós mesmas só serve para nos bloquear e nada mais.

Se não pode de todo sair dessa realidade, pelo menos agora, que o tempo é mágico, então encontre formas de não deixar que a magoem mais.

Recolha-se dentro de si e crie um muro. Não deixe o homem que dorme na sua cama entrar dentro dele.

Seja livre no coração e quem sabe, talvez um dia descubra uma porta aberta.

Volte sempre e muita força.



publicado por Luísa Castel-Branco às 01:19
link do post | comentar

1 comentário:
De Patrícia Santos Coelho a 7 de Agosto de 2008 às 12:45
Querida Luísa, eu chamo-me Patrícia, sou aluna do Colégio Miramar, no qual você teve o prazer de ir falar um pouco connosco sobre o seu livro A ALMA.
O que me trás aqui não é o seu livro, mas sim algo que eu gostaria de partilhar com você, gostaria de saber a opinião de alguém mais entendido em escrita. Tenho para lhe mostrar um poema por mim elaborado.

"Esperança...
Hoje o amor fechou-me a porta
E deixou-me no átrio da tristeza
Numa estrada torta
Onde irei caminhar com firmeza.

Não vou desistir da vida
Só porque me deixaste
Vou encontrar a minha chama perdida
No lugar onde a fechaste.

Serei então mais feliz
Sem estar presa em tuas mãos
Onde sempre fui infeliz
Mas por fim venci a solidão.

Tornei-me então uma pessoa mais forte
Explorei a palavra vida
lá no meio encontrei a sorte
Que por ai estaria perdida...

O amor fechou-me uma porta
Mas como a vida bela
A amizade abriu-me uma janela
Que nunca será fechada..."

Espero que goste, e fico a espera de ver a resposta ou mesmo uma pequena critica a este poema ! Irei sempre cá voltar, pelo menos sempre que poder !

Obrigada, e muitos beijinhos !

PS: Adorei o seu bom humor, a sua maneira de falar dos problemas do nosso dia-a-dia, a maneira com que nos dá a força de vontade para não desisti dos nossos sonhos. MUITO OBRIGADA !


Comentar post

.links
.pesquisar neste blog
 
.mais sobre mim
.tags

. todas as tags

.arquivos

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO
.subscrever feeds