Quinta-feira, 10 de Julho de 2008
Eu e a minha "ALMA"

Amanhã vou estar pelas 17h30 na livraria Bertrand na Av. de Roma, para dar autografos. Mas

quem quiser aparecer para cavaquear, terei muito gosto..



publicado por Luísa Castel-Branco às 20:59
link do post | comentar

9 comentários:
De isabel salvador a 13 de Julho de 2008 às 10:19
já não vinha aqui algum tempo comentar,mas tenho vindo aqui quase todos os dias,no meu blog ainda não tirei o livro com o link ,para vir ter directamente,esta semana mais um comentário anónimo
http://receitinhasdabelinhagulosa.blogspot.com/2008/07/e-so-mensagens-como-estas.html
,que me deixou triste talvez por causa da saudade que me invande o meu coração,o meu filho mais velho(o diogo tem 12 anos) está para frança num acampamento de férias,num inercâmbio de camaras municipais,ora eu como mãe avestruz(como me chamam as meinhas amigas)tenho tantas mas tantas saudades que já não sei o que fazer para combater isto,e ainda só vem no dia dos meus anos(dia 24 de julho)ando a contar os dias,as horas os minutos e os segundos.....peço desculpa pelo meu desabafo,mas hoje sinto-me tão triste por estar longe....ora nos temos uma cumplicidade muito grande,eu mais ele com olhar falamos muito e rimos muito....porque perçebemos perfeitamente o que o outro pensa,faz-me falta o sorriso dele.mas logo logo ele volta....
sei que posso contar com a luisa com este meu desabafo....obrigada


De Luisa Xavier a 26 de Agosto de 2008 às 11:13
Adorei este livro, jamais pensei que o final fosse tão sofrido, que me fez chorar e pensar na minha vida nos últimos 2 anos e meio...É lindo!!!
Parabens, fico á espera do próximo...


De Patrícia a 2 de Setembro de 2008 às 22:14
Querida Luísa
Recebi o seu livro no meu dia de anos. Fiquei muito contente pelo gesto de quem me ofereceu e por se tratar de um livro. A surpresa foi o livro em si. Já conhecia a sua forma de escrever porque visito regularmente o seu blogue e leio as suas crónicas na imprensa. Mas o livro foi muito mais do que estava à espera.
Já tinha ouvido falarem muito bem do livro e de facto já esperava algo positivo dele. Tanto que andei a “namorá-lo” sem o folhear. Estava com receio de me prender a ele numa época em que não podia estar dedicada só à leitura. Assim que encontrei uma boa altura fiquei presa ao livro.
Que livro! Estou desejosa de que a Luísa tenha o próximo pronto. Fiquei viciada nas suas palavras, na sua escrita. Na sua criatividade. Que criatividade!
A forma como apresentou a época, como apresentou os personagens. A forma como cativa o leitor, é genial! Tive dificuldade em conseguir parar de ler. Prendeu-me sempre à narrativa. Sou da geração da sua filha e fiquei encantada com a forma como retratou a época. A vida das pessoas.
O engraçado é que este é um livro que provoca a chamada “leitura em cadeia”. É que eu passava a palavra a amigos e familiares e eles a outros. Os que já leram são da mesma opinião que eu. Tem uma escrita fantástica!
Desconfio que o seu tesouro “Alma” vai cativar até “aqueles” que não gostam da sua frontalidade e independência enquanto mulher. É que não há nada a apontar. O seu livro provoca um misto de emoções. Passei do riso às lágrimas. O seu livro é excepcional. Adorei!
Desejo-lhe muita inspiração!!
Beijinhos


De Catarina a 9 de Setembro de 2008 às 15:56
Querida Luísa,
Acabei de ler o seu livro, a palavra que tenho para o descrever é: Fantástico.
Fiquei tão presa ao livro que o li em 2 dias (esqueci tudo por uma noite para o conseguir acabar de ler).
Costumo ler regularmente o seu blogue, mas o livro superou as minhas expectativas.
Espero ansiosamente pelo seu próximo livro.
Adorei.
Beijinhos


De Maria da Luz a 15 de Setembro de 2008 às 10:26
Cara Luísa (permita-me a familiaridade),
Li, ontem à noite, as últimas páginas do seu livro. Confesso que andei a prolongar o prazer da sua leitura durante uns 10 dias (quando os livros me agradam não tenho por hábito devorá-los mas prolongar o prazer que me dão). Sou uma grande consumidora de livros e, quando digo 'grande', estou a falar de mais de 50 livros por ano, mas o seu foi o único que me fez chorar até hoje. A ternura está implícita em toda a história e nas personagens fabulosas, umas mais fortes do que outras, umas mais ricas de sentimentos do que outras. Vi finalmente numa obra uma homónima minha, o que agradou - o nome caiu em desuso. Gostaria de ler outras coisas suas, para além das crónicas. A ALMA agradou-me tanto que vou esperar mais trabalhos seus nos escaparates. Surpreenda-me, Luísa. À semelhança da Filomena Mónica, o que escreveu encheu-me a alma. Bem-haja!
Maria da Luz


De Ana Mascarenhas a 6 de Fevereiro de 2009 às 19:36
Boa noite Luísa,

Os livros são eternos e como eternos que são, só agora li o seu livro...sou uma "devoradora" impulsiva de livros.

Vou confessar-lhe algo e espero que não me leve a mal, pois gosto de ser sincera e por vezes a escrita pode ser dotada de frieza, pois não conseguimos ver as emoções das pessoas contudo, aqui deixo o meu testemunho.

Normalmente não costumo ler a apelidada literatura "ligth", contudo, depois de ler vários testemunhos no seu blogue, e também porque de vez em vez, faz bem à alma refrescar a memória com algo leve, resolvi comprar o seu livro.

Não esperava ler um livro cheio de garra e de alma, escrito com dor e com sabor.

Costumo "encarnar" as personagens quando "as leio" e por incrível que pareça, chorei no final do seu livro.

Sem palavras.
Os meus mais sinceros Parabéns pela alma que deu à "Alma" :)

Ana Mascarenhas


De Ana a 4 de Outubro de 2009 às 17:01
Há dias vi a Luísa num programa da Sic em homenagem ao Vítor de Sousa, aí tive informação do livro 'Alma' e fiquei curiosa.Dias mais tarde fui à Biblioteca, onde costumo requisitar livros e para minha surpresa o seu estava em destaque, trouxe-o logo.E neste momento estou a 'devorá-lo', é viciante.Estou no ínicio e gostar muito da forma como escreve.Parabéns .


De Paula a 5 de Janeiro de 2010 às 16:19
Dª LUÍSA É SÓ PARA LHE TRANSMITIR AQUI NO SEU BLOG QUE ADOREI O SEU LIVRO ALMA E OS MISTÉRIOS DA VIDA FOI MESMO UM LIVRO ESPECTACULAR COM UMA LEITURA BASTANTE AGRADÁVEL, SÓ O QUE ACHEI NO FINAL DO LIVRO É QUE NÃO ESPERAVA QUE ACABASSE ASSIM,PENSEI QUE AINDA TIVESSE MAIS PARA CONTAR....MAS LHE DIGO QUE ACABEI POR CHORAR PORQUE TAMBÉM EU TIVE UMA PESSOA DE FAMILIA MUITO CHEGADA QUE MORREU DE LEUCEMIA E CUSTOU-ME AINDA MAIS LER O FINAL ... MAS GOSTEI MUITO DO SEU LIVRO E JÁ O RECOMENDEI A MUITA GENTE...AGORA QUERO VER SE COMPRO O OUTRO SEU QUE TAMBÉM DEVE SER ESPECTACULAR..NÃO ESPERO OUTRA COISA...
CONTINUE ASSIM COM ESSA ALMA E COM ESSE DOM POIS ESTÁ NO CAMINHO CERTO, SEM MAIS CUMPRIMENTOS...
PAULA


De Raquel Afonso a 22 de Setembro de 2011 às 14:53
Olá Luísa !
Em primeiro lugar, porque apenas agora li esta sua obra, os meus humildes parabéns por este livro fantástico.
Que me levara muitas vezes às lágrima. Admiro imenso a sua escrita, e, como já li por ai, faz lembrar uma escrita antiga e bem conhecida.
Mas, o que lhe queria mesmo dizer é que, devorei "ALMA e os mistérios da vida" até umas dez páginas do seu desfecho. Tenho-me recusado a continuar com medo que acabe (e também porque não quero que Alma "volte para a Alemanha") e ando a poupá-las para um dia especial, que me canse de alguma estupidez e precise de uma coisa realmente boa. Mas admito, que não me sai da cabeça aquela trama, todas aquelas personagens, a maneira como me tocaram. Obrigada Luísa , tocou-me muito a sua sensibilidade. Um beijinho, muitos parabéns !!


Comentar post

.links
.pesquisar neste blog
 
.mais sobre mim
.tags

. todas as tags

.arquivos

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Setembro 2012

. Maio 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Setembro 2006

blogs SAPO
.subscrever feeds