Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Luísa Castel-Branco

Os comentários

Luísa Castel-Branco, 29.02.08

Nunca me deixo de surpreender quando alguém se aproxima de mim na rua, num café, e comenta aquilo que escrevo aqui no Destak.

Há duas semanas, estava a chegar à estação de Gaia quando um taxista me disse: Leio sempre os seus artigos! São pessoas das mais diferentes idades, homens e mulheres, que muitas vezes nada têm em comum senão, ou pelo menos, o lerem o Destak.

Depois existe outra realidade, a do mundo virtual da Net.

Confesso que todas as semanas leio os comentários aos meus textos e aos de outros que aqui escrevem.

E nunca deixo de me divertir. Porque é a única coisa possível de fazer, ao ler desde textos sentidos, até disparates pessoais, tipo "Coitadita, partiu uma unha!"

Sociologicamente estes comentários são interessantes e importantes. Quem os escreve dá-se ao trabalho de perder o seu valioso tempo, muitas vezes para articular um insulto sem nexo. Mas muitas vezes, para partilhar dos sentimentos que transcrevi para o papel.

E é isso que realmente conta. Quando escrevo sobre um estado de alma, que raramente é meu mas de outros, tento colocar por palavras a dor, a alegria, a separação ou aqueles momentos mágicos.

Porque somos todos iguais, aqui bem dentro do coração.

 

in Destak 26.02.08

4 comentários

Comentar post