Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Luísa Castel-Branco

Carina disse sobre Uma valsa a dois

Luísa Castel-Branco, 10.11.08
na Quarta-feira, 5 de Novembro de 2008 às 18:58:

     

 

Quando amamos alguém conseguimos sentir essa pessoa nos mais pequenos pormenores...ás tantas,parece que tudo nos faz lembrar a pessoa amada...como se ela ainda precisasse de ser lembrada...Penso que quem ama e é amado tem a maior sorte do mundo pois o amor,na minha opinião,é o tesouro mais valioso do mundo!!!
Parabéns pela sua fantástica forma de escrever Luísa Castel-Branco,pois de uma maneira ou de outra consegue tocar a todos,até mesmo ás adolescentes como eu!!!

 

 

Carina,

Muito obrigada e aproveito  para lhe dar um conselho de quem já vivue metade da vida: nunca desista do amor! Por mais que doa a procura do outro vale sempre a pena.

Beijos e volte aqui.