Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Luísa Castel-Branco

Qua a vida te seja leve

Luísa Castel-Branco, 19.05.09
 

Que encontres muitos amigos ao longo do caminho e sejas capaz de seres fiel a ti mesmo e aos teus princípios.

Que o amor te abrace uma e outra vez e quando chegar aquele momento, aquela pessoa que a saibas reconhecer e agarrar.

Que nunca faças nada de que os teus filhos um dia se possam envergonhar.

Pensa antes de agir, mas não desistas dos teus sonhos só porque os outros dizem serem impossíveis.

Luta pela vida e respeita o teu corpo. Não desbarates as tuas energias e a tua alma naquilo que é fácil, que é agradável e te traz alegria instantânea.

Nada na vida se consegue sem luta. Recorda para sempre esta verdade e abraça os desafios como oportunidades.
Duvida dos elogios fáceis, afasta-te de quem fala por falar e tem sempre a boca cheia de palavras cruéis sobre os outros.

Não aceites as certezas da maioria. Luta pelo que acreditas, mesmo que te sintas só. Nada é tão importante como sermos verdadeiros connosco e olharmo-nos no espelho e não termos vergonha do que vemos.

Respeita a família. A tua e a dos outros.

Respeita os homens e mulheres que encontras todos os dias, vergados ao trabalho, porque são esses que te merecem, a ti e ao teu coração.

Afasta-te sim de quem vive para as aparências, de quem julga o próximo seja através da religião, do sangue ou qualquer outra premissa.

Recorda-te que todos têm medo de algo, e não te envergonhes de dizer o que temes.

Sê gentil com os seres humanos. Alimenta a tua memória dos bons momentos e tenta esquecer a tristeza que as desilusões nos trazem.

Nunca mintas a ti próprio. Nunca aceites a derrota como inevitável e por isso tens que acreditar em ti, nos teus sonhos.

Não te esqueças que no caminho da vida irás muitas vezes escorregar e cair.

O que importa é como te levantas uma vez mais e principalmente, quantas vezes levantas voo.

Não te esqueças de amar perdidamente e chorar sem vergonha.

Só quem sofre pode saborear o que é grande, imenso e verdadeiro.

Por último, nunca duvides que nenhum amor se pode comparar ao que sentes pelos teus filhos.

Que possas dizer no final da tua vida que fizeste tudo por eles, sendo justo mas firme.

Enquanto existir um só ser humano que te recorda com saudade serás eterno.

E tudo terá valido a pena.

 

in Destak19 | 05 | 2009 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.